Browsing Category

dicas

dicas

4 dicas para montar sua mala de viagem!

deanna-ritchie-227649

Independente do destino, viajar é uma das melhores coisas da vida, especialmente se a viagem for feita com amigos ou com o boy magia, né? Por isso, reuni dicas de truques para te ajudar no segundo pior momento da viagem (depois de voltar, é claro!): arrumar a mala. Para quem é indecisa, escolher as roupinhas para compor cada look parece missão impossível. Como acertar e garantir que não falte o básico para você ficar confortável e estilosa?

Vamos às 4 dicas!

dicas-mala-viagem-01

Dica 1: Por baixo da roupa!
Durante a viagem você não vai ter como correr para a sua gaveta de lingerie para achar aquele sutiã incrível que é confortável e não marca na blusa branca. Por isso, é muito importante levar lingeries para todas as situações, as mais básicas e confortáveis que são suas melhores amigas não podem faltar, assim como uma lingerie mais bonita e sexy para uma noite especial. Um detalhe importante: é sempre bom levar uma ou duas calcinhas a mais, para evitar qualquer contratempo.

dicas-mala-viagem-02

Dica 2: básica e prática
Na hora de viajar a regra número um é “conforto, conforto, conforto”. Seja de carro ou de avião você precisa estar se sentindo bem para passar pelas horas de espera e ansiedade até avistar o seu destino final. Para isso, nada melhor que as leggings, peças curinga no guarda-roupa de toda mulher. Mas não precisa ser a legging básica preta. Variações com recortes, transparência, estampa e até o maravilhoso lurex são mais que bem-vindas. Além de uma peça ótima para o percurso, as leggings são maravilhosas para explorar a cidade de destino caminhando e no caso de muito frio, podem ser usadas por baixo de outra calça.

Dica 3: sempre preparada
Por mais descontraída que seja a viagem, você nunca sabe quando vai surgir um jantar romântico em um restaurante mais chic ou uma festinha que você precise se arrumar mais. Por isso, é importante levar na mala um look mais arrumado, como um vestido de festa simples e elegante. Mas o segredo é investir em peças que amassem pouco, como você vai estar em um hotel, passar roupa pode não ser a coisa mais simples do mundo. Além do vestido, um salto confortável também não pode faltar!

dicas-mala-viagem-03

Dica 4: Jeans, Jeans, Jeans
Uma mala de viagem não seria completa sem um par de calças jeans, não é mesmo? Ou melhor, dois pares. A calça jeans é essencial para qualquer tipo de viagem, mesmo que a trabalho. Investir em dois pares com propostas diferentes pode salvar os seus looks. Uma mais estilosa com lavagem diferente, rasgos e até patches e outra de lavagem mais escura e corte reto tradicional são apostas certeiras! Para montar um look trendy, é só combinar com um body e um sapato flat form.

Gostou das dicas? Agora é só escolher o destino, fazer as malas e aproveitar cada minuto das tão sonhadas férias!

Post em parceria com a AMARO.

dicas

Saiba como obter sucesso nas compras online!

comprar-online-01

O fato é que a gente ama comprar online, né? Os motivos são a comodidade para comprar e a variedade de produtos ofertada. Além dos já conhecidos sites de compras coletivas e as lojas virtuais, por meio de sites, existem, atualmente outras formas de e-commerce como as lojas virtuais dentro de redes sociais, como no instagram.

Uma das vantagens de se comprar pela Internet é que os preços são muito mais em conta do que as lojas físicas, já que as lojas virtuais não pagam altas taxas e nem salários a muitos funcionários. Saiba que o desconto, em comparação, pode chegar até 30%.

Para ajudar vocês a se dar bem nas compras online, separei algumas dicas. Olha só!

Esqueça o impulso!

Os descontos podem ser chamativos e as ofertas também, mas, antes de finalizar a compra que a essa hora já deve estar dentro do seu carrinho virtual, você precisa fazer uma análise se realmente precisa do produto ou serviço que está adquirindo. Para isso, faça, a si mesmo, algumas perguntas, como:

– É preciso que eu realize agora essa compra?
– Realmente preciso deste serviço ou produto?
– Tenho informações o bastante sobre o que estou comprado?
– Essa compra irá comprometer o meu orçamento mensal?

Com base em suas respostas, você conseguirá analisar, friamente, se está tomando a decisão certa de comprara este serviço ou produto.

Saiba sobre o fornecedor

Pesquise informações sobre de quem você está comprando, tal como a razão social da empresa, endereço, CNPJ, e-mail e telefone. Fique atento se o site de compras online mostrar apenas um número de telefone celular como forma de contato. Quanto mais formas de contato, mais seguro você irá ficar.

Confira o que os outros pensam sobre a marca

Procure referências sobre a empresa de que você está comprando. Você pode realizar uma pesquisa na Internet, com seus familiares e amigos, nas redes sociais e em sites como o Buscapé e o Reclame Aqui. Já no site do Sindec você também pode obter informações sobre todos os Procons do País e índices de problemas solucionados e reclamações das empresas.

comprar-online-02

Segurança eletrônica

É preciso que você tenha certeza de que o site de onde você está comprando é seguro, já que você irá fornecer alguns dados pessoais, bem como bancários. Somente finalize a compra se o endereço eletrônico iniciar por “https” e você conseguir visualizar no seu navegador um ícone de cadeado fechado colorido. Ao clicar nessa figura ela deverá mostrar o certificado de segurança do site.

Instalação de programas

Outra forma de aumentar a sua segurança é fazer a instalar em seu computador ou smartphone um antivírus e manter o firewall atualizado. Você pode escolher opções gratuitas de programas, disponíveis até para download pela internet.

Computadores públicos

Evite realizar compras online em computadores públicos, instalados em cybercafés e lan houses, pois eles podem não estar tão protegidos como deveriam.

Troca de senhas

Já em relação as senhas, faça a troca com freqüência e evite utilizar informações como números de telefones, datas de aniversários ou seqüências simples numéricas ou alfabéticas. Para ter segurança em relação as senhas, crie uma de 6 a 12 caracteres, misturando números a letras maiúsculas e minúsculas.

Informações sobre os produtos

Saiba de todas as informações de descrição sobre as características do serviço ou do produto que está comprando, antes de fazer o fechamento. Não se esqueça de fazer a comparação com marcas similares. É preciso se lembrar que alguns produtos devem ter registro em alguns órgãos específicos, como os tablets e celulares, que são regidos pela Anatel. Já os do ramo de alimentação, estética e saúde, são ligados a Anvisa e os de viagens e turismo, pela Embratur.

Lembre-se que ao fazer compras online você não está vendo o produto em suas mãos, por isso é preciso observar alguns pontos como:

– Acessórios inclusos
– Cores
– Requisitos para o funcionamento do produto
– Se o produto utiliza bateria ou pilha
– Tamanhos e dimensões
– Voltagem e tipo de tomada

Informações sobre os produtos

Tenha ideia do preço real do produto que você pretende comprar, tanto nas lojas físicas quanto virtuais. Não se esqueça de fazer a comparação de preços e desconfie de ofertas que pareçam fazer milagres ou que estejam muito fora da faixa de preços, fora da promoção!

Formas de pagar

Veja quais são as formas de pagamento e saiba quais são as que levam juros. Fique desconfiado se a única forma de se pagar for por meio de depósito em conta poupança ou corrente, principalmente de pessoas físicas. Prefira o cartão de crédito, pois se você tiver um problema, como, por exemplo, de entrega, há como fazer o cancelamento com a administradora do cartão.

Prazo de entrega

O site que você está realizando a compra deve informar o prazo de entrega do produto. Se você reside no Estado de São Paulo ainda está respaldado na lei que obriga que a empresa fornecedora dê a opção de escolher o turno e a data de entrega. Saiba que na maioria das vezes o custo pelo frete não está incluído no preço do produto.

Arrependimento

Até sete dias depois de receber o produto, você tem o direito de se arrepender. Para fazer isso, você deve fazer o contato com o fornecedor e pedir a devolução e o cancelamento. É importante saber que a empresa fornecedora não pode pedir que a embalagem do produto não tenha sido violada. A empresa da qual você realizou a compra do serviço ou do produto deve apresentar claramente como é o procedimento de arrependimento, bem como fazer a devolução integral do valor pago pelo consumidor.

Newsletter de ofertas

A maioria das lojas virtuais, principalmente as grandes marcas, tem o costume de encaminhar aos seus clientes, periodicamente, uma lista de suas boas ofertas, principalmente produtos que estão com um bom desconto, naquele período. Para participar das newsletters e se dar bem nas compras online, você deve entrar no site oficial da empresa e colocar o seu email de contato no campo onde lhe oferece a entrar nessa grande lista. Alguns deles chegam a pedir que você realize um cadastro simples, outros já querem que você insira seus dados pessoais por completo.

Fóruns de compartilhamento de promoções

Uma outra sugestão de como se dar bem nas compras online é participar de fóruns de promoções e comunidades de compartilhamento de compras online, como o web promoções. Lá você tem diversas opções de compras e até mesmo dar a sua opinião e saber o que os outros pensam sobre o produto que você este pensando em comprar. Existem outros sites disponíveis e específicos, de cada segmento, de acordo com o segmento e o mercado do que você está em busca.

Depois da compra

Exija o comprovante da nota fiscal depois que receber o produto, pois caso tenha algum problema, posterior, você pode procurar a empresa que forneceu. Se o seu problema não for resolvido, busque os órgãos de defesa.

dicas

Vai viajar e não sabe por onde começar? Aprenda a montar um roteiro de viagem!

Para quem já está acostumado a viajar preparar um roteiro para a viagem é, praticamente, algo intuitivo! A pessoa vai pesquisando e, no final, em pouco tempo já tem tudo planejadinho e sem muitas dificuldades. Outras pessoas têm experiência, mas têm problemas com organização. E tem mais um caso: aqueles que estão entrando na onda de viagens agora e não sabem por onde começar! Por isso, toda a ajuda é bem vinda! Claro que as dicas aqui serão bem gerais, porque a montagem do roteiro vai depender muito do perfil do viajante, dos objetivos e por aí vai… Alguns curtem praia, outros montanha. Algumas pessoas querem tranqüilidade e outras badalações… Tem viagem com família, amigos e sozinho! Enfim, são infinitas possibilidades. O que você vai conferir aqui é um roteiro básico que pode ser seguido por todos! Vem conferir!

viagem-dica-roteiro

Definições básicas:

Pode parecer bobeira, mas, antes de qualquer coisa, você precisa fazer umas definições básicas antes de ir para o roteiro em si! Três perguntas que você precisa responder:

1-Onde quero ir?
É óbvio? Não! Muita gente quer viajar, mas não tem ideia de onde ir, já que são muitas possibilidades! Então esse é o primeiro passo! Definir o local!

2-Quanto tempo pretendo/posso ficar?
Uma semana? Um final de semana? 20 dias? Um mês? Isso precisa ficar muito claro, porque a partir dessa definição, vamos pode partir para o outro item essencial: orçamento!

3-Tenho dinheiro para o que eu pensei?
Com as duas perguntas acima respondidas, agora é hora de pensar na grana! Essa é a parte mais complicada para quem não se dá muito bem com números! Mas é mega necessária! Só depois disso passamos para as próximas etapas! Se a viagem for feita de carro é interessante fazer um levantamento da quilometragem que irá rodar e uma previsão do gasto com combustível, pedágio e estacionamento. Se for de avião ou ônibus, o levantamento será sobre custo das passagens, traslado, táxi (ou Uber) durante a estadia na cidade.

Depois que você já pensou nisso tem mais algumas partes: custo com estadia e alimentação. Ah, e é bom deixar sempre um dinheiro reservado para as eventualidades como, por exemplo, ingressos (museu, show, balada), uma lembrancinha, um restaurante diferenciado ou para algum imprevisto mesmo. Depois de fazer todo esse levantamento é possível ter uma ideia da média dos seus gastos por dia e uma boa noção de quanto irá custar essa viagem. Outra dica: é muito legal usar cartão de crédito durante a viagem por conta da comodidade, mas, cuidado para não abusar! Depois, no mês seguinte, você vai se deparar com uma fatura nada agradável! Já ia esquecendo, se a viagem for longa, seja de tempo ou distância, é até interessante contratar um seguro, que pode ser feito em alguma agência de viagem!

Roteiro de viagem na prática:

Destino definido, dias de viagem e gastos: agora chegou a hora de pensar no roteiro! Locais para conhecer, onde comer e o tempo de deslocamento do seu hotel até o passeio escolhido. Vem conferir como fazer tudo isso:

-Pesquisar
Pesquisar: essa vai ser a palavra de ordem na hora de montar o seu roteiro. Aí o nosso amigo Google entra na jogada! Procure ler blogs, assistir vídeos sobre os destinos, opiniões em sites de avaliações, grupos no facebook e todas as ferramentas que você tiver em mãos! Leia tudo e comece escrever, em tópicos, o que mais agrada de acordo com o seu objetivo de viagem. Nessa hora você vai se deparar com uma lista com milhares de coisas e você precisa filtrar: o que realmente vale a pena, o que é imperdível e o que cabe no orçamento. Ok. Com a listinha em mãos vamos para a próxima parte que é organizar esses planos.

-Divisão
Esse é o momento que você vai dividir os passeios pelo número de dias que você vai ficar no local. No momento de fazer essa separação, pense sempre no seguinte: dois pontos turísticos são próximos um do outro? Então os visite no mesmo dia! O motivo? Não perder tempo com deslocamento. Vou citar um exemplo simples: estou em São Paulo para fazer um roteiro turístico e no primeiro dia decidi conhecer alguns pontos da Avenida Paulista e em seguida vou para o bairro da Liberdade. Aí no dia seguinte, eu volto para Avenida para conhecer mais um pouquinho. Pode ser que funcione, mas talvez esse “vai e volta” não compense. A ideia é a seguinte: conheça tudo o que tiver que conhecer na avenida mais importante do país no primeiro dia: bares, restaurantes, museus e experimente todas as sensações! Aproveite verdadeiramente, sem pressa! No dia seguinte, você se aventura no bairro! Esse destino foi o primeiro que veio em mente, mas poderia ser qualquer outro. É só para você entender sobre a questão do deslocamento e também sobre o item abaixo!

-Maratona
Sempre quando vou falar de roteiro penso na questão da maratona. Tem muita gente que gosta de conhecer mil lugares num único dia e, no final das contas, acaba não conhecendo nada. Quando eu falo nada, quero dizer que o viajante não aproveitou tudo que poderia, apenas deu uma passadinha. Eu não recomendo. Sempre penso que menos é mais. Mais vale um local bem visitado e com tempo, do que passar por vários na correria.

-Dia Livre
Algo que sempre indico é deixar um dia totalmente livre: sem programação. Isso, porque, ao chegar ao local você pode tirar algumas ideias com moradores locais. E pode ser super interessante! É aquele passeio que você não estava esperando e que faz toda a diferença sabe?

Pessoal, esses são pontos básicos para montar um roteiro! Seguindo, com certeza, será muito simples organizar sua viagem dos sonhos! Dica extra: não se esqueça de sempre levar todos os documentos. Parece bobeira, mas com tanta informação a gente acaba se esquecendo de coisas simples! É isso! Espero que tenham curtido as dicas e se tiver mais alguma deixe, abaixo, nos comentários!

Este post foi escrito pelo Blogueiro convidado Matheus Bertoluci.

dicas

Como economizar em viagem

Viajar é uma das minhas paixões! Não existe nada melhor do que fazer uma viagem incrível, não é? Pensando nisso resolvi falar sobre como gastar pouco durante a viagem, assim você consegue ECONOMIZAR e nessa época de crise é fundamental, certo?

viagem-dica-econimia-01

1. Planejamento <3

Eu sei que todo mundo fala da importância do planejamento, vocês já devem está cansadas de ouvir isso, mas é porque realmente funciona, planejar ajuda na hora de tirar a viagem do papel e também na hora de economizar durante a viagem, saber exatamente onde ficar, anotar os endereços corretamente, pesquisar e ter com você uma prévia do que fazer na cidade, tudo isso ajuda a manter o orçamento na linha sem prejudicar a diversão.

2. Compre passagens com antecedência

Procure promoções e fique atento aos sites de companhias de aviação. Quanto mais cedo você comprar as passagens, mais barato vai se, procure por passagens no meio da semana, os valores são bem menores.

viagem-dica-economia

3. Use os programas de milhagens

Essa é uma dica incrível para antes e durante a viagem, se cadastre em programas de milhagens, você acumula pontos e troca por passagens, negocie no seu banco taxas ou cartões para poder usar durante a viagem, assim enquanto você gasta acumula pontos, sem falar na segurança de não andar com muito dinheiro.

Outra vantagem é que muitas companhias aéreas e cartões de crédito têm convênios com alguns hotéis, locadoras de carros e várias outras empresas, o que pode ser uma grande economia para você.

4. Hostel ou albergue

É uma ótima alternativa para economizar em hospedagem, hostels e albergues oferecem acomodações baratas, os quartos geralmente são compartilhados e o importante aqui é procurar bem, o booking é uma boa ferramenta para ajudar na hora de escolher, você pode ver os depoimentos de clientes e dar nota para o local. Outra vantagem desse tipo de acomodação é conhecer pessoas novas durante a viagem.

5. Alugar um carro

É uma alternativa muito interessante, a dica é conhecer locais um pouco mais distantes de onde você está hospedado e fazer passeios pela cidade, é importante pesquisar promoções e convênios, várias empresas de cartão de crédito e companhias aéreas oferecem descontos no aluguel.

Espero que tenham gostado das dicas e boa viagem !

Bia Gonzalez: carioca, arquiteta, apaixonada por internet, viagem e blogueira do Decorafino