dicas

Praticando o desapego

Não sei se eu falei, mas acabei de me mudar. No meio de toda a confusão aproveitei para tentar doar as roupas que eu não queria. O meu armário estava uma grande bagunça, não achava nada! Tinha dias que entrava em desespero e queria jogar tudo para cima. Bom, para falar a verdade o meu armário ainda não está pronto, mas eu aproveitei a mudança para tirar as roupas que não usava.

A gente sabe que praticar o desapego é muito difícil, sempre achamos que um dia vamos usar aquela peça novamente. Decidir o que vai ou não ficar no nosso guarda-roupa é um processo complicado e demorado, mas muito importante. Logo, Separei 5 dicas para te ajudar a praticar o desapego.

1. Compre cabides novos para organizar as peças lembrando de separar algumas caixas para colocar as roupas que você não vai querer.

2. Separe um dia só para isso. Você precisa de tempo e calma para separar as coisas e depois organizar.

3. Sempre pergunte: Será que vou usar essa roupa? Será que ela ainda faz o meu estilo? Tente imaginar um look com ela e lembrar quantas vezes você usou. Se for um roupa que você usou muito pouco e sempre acha que não combina com nada então, ela pode entrar na lista de doação.

4. Tem roupa que a gente nem precisa analisar, né? Roupas que já estão bem velhas, que você usou bastante. Já é hora de passar para frente.

5. Se você está de mudança, pergunte se vale a pena o esforço de empacotar e transportar essa peça, será que você vai usá-la?

Depois disso, imagino que algumas roupas já estão na caixa de doação. Mas sempre rola uma dúvida né? Então, se isso acontecer deixe essa peça separada em um canto. Caso você não use dentro de um mês é melhor doar. Práticar o desapego é importante, ajuda a renovar o armário, a identificar o que estamos precisando e facilita na hora de montar o look.

Previous Post Next Post

You Might Also Like

17 Comments

  • Reply Pauline 25 de abril de 2013 at 7:52

    Tem que ser né? Tbm to sempre fazendo arrumação no armário, participo de uns grupos de troca de peças no facebook, as vezes vendo no brechó, tem que renovar! hehe

    Beijos

  • Reply Tamiris Bockmann 25 de abril de 2013 at 10:10

    Sempre tiro as coisas velhas do guarda roupa, como diz a minha mamis: Temos que abrir espaço para o novo! Dei uma sumida porque estava curtindo a família em Sampa(foi feriadão aqui no Rio de Janeiro no dia 23/04) Mas já voltei e retomei os dois últimos dias de Fashion Rio lá no blog!

    Beijinhos, beijinhos!
    Tamiris Bockmann!

  • Reply @alessandramess 25 de abril de 2013 at 11:10

    Eu sempre digo que o ideal é dar um geral do roupeira a cada 15 dias! Por que se não, a gente nem faz ideia de tudo que tem lá dentro. Depois que comprei minha arara e os cabides, facilitou um monte!
    Dicas super válidas! Tem que desapegar mesmo (:

    Beijos, ótima quinta. http://workingmachine.nu

  • Reply deusaharthor 25 de abril de 2013 at 12:01

    Oi Mary, é uma coisa que não fazia muito…mas depois de conhecer minha sogra, aprendi que não se dá roupa só quando fura ou rasga. Pelo contrário! Aquilo que você nunca usou também pode ser dado.

    A questão toda é a nossa consciência dizer que é necessário para outro e desnecessário para nós. A gente acaba comprando coisas no calor do momento. E eu aprendi que se eu jamais usei uma peça e ela está lá guardada pois posso precisar UM DIA, é porque não vou precisar.

    Adorei as dicas!

    :***

  • Reply Amanda Paduan 25 de abril de 2013 at 13:02

    mary, eu me apego com sapatos, caixas, bijus, menos roupa, acredita? HAHAHAH! Se eu vejo que uma peça não está sendo usada, já passo pra minha irmã ou pra minha mãe e se elas não quiserem já doou! Não tem coisa melhor que você ver uma pessoa feliz por ganhar uma peça que você nem está usando e que ela vai usar muuuito! Beijos, Mary, amei o post!

  • Reply Bruna Pegoraro 25 de abril de 2013 at 13:43

    Oi Mary, acabei de praticar o desapego também. Eu estava ocupando 3 quartos no meu apto e 1 na casa da minha mãe, muita coisa que não uso mais e que nunca usei, tudo pra doação. Bem melhor aquecer quem precisa, do que o guardarroupa né?
    Beijos http://www.brunapegoraro.com.br

  • Reply Lulu 25 de abril de 2013 at 18:39

    Acho ótimo praticar o desapego. Tem que renovar as coisas, entrar energia nova.
    Big Beijos

  • Reply Paula 26 de abril de 2013 at 1:10

    Olá flor 😀
    Eu pratico sempre, é tão bom..
    abre espaço para mais peças, além de deixar contende outras meninas!!
    Beijos
    felicidade-essencial.blogspot.com.br

  • Reply renataepaula 26 de abril de 2013 at 6:56

    Sabe que uma coisa que eu adoro é doar roupas ehehe
    Sempre que lembro que tem umas peças que não uso mais, eu já separo e dou
    mas, não consigo tirar tudo de uma vez, faço aos poucos hahha tenho peninha ;( kk
    beijinhos, Rê http://www.garotasurbanas.wordpress.com

  • Reply Daniela Leonel 26 de abril de 2013 at 9:19

    Passando para desejar um ótimo fim de semana.
    Beijo

  • Reply @abaldassin 26 de abril de 2013 at 10:41

    Adorei as dicas. As vezes ficamos com tanta coisa guardada, que o jeito é desapegar!

  • Reply Anna 26 de abril de 2013 at 11:07

    Amei o post! http://www.blogdajoanna.com/

  • Reply Gih 26 de abril de 2013 at 12:30

    O Noivo sempre fala que eu desapego muito fácil! a cada 3 meses eu separo várias sacolas de roupa, sapato e bolsa pra dar embora
    kisses

  • Reply carlamantoni 26 de abril de 2013 at 12:36

    Na teoria eu super concordo, mas na prática é muito difícil… hahaha, fazer o que, né? Pelo menos eu tento!

    :***

  • Reply Adriana Alfaro 26 de abril de 2013 at 13:31

    nossa, eu ameiii essas dicas!
    desde quando comprei cabides iguais minha vida mudou! bem mais prático!
    mas já preciso arrumar tudo de novo!
    Beijos!

  • Reply diadebrilho 26 de abril de 2013 at 13:55

    dicas ótimas!!! Adorei 😉 sempre faço essa será q vou precisar usar essa roupa?
    bjoka

  • Reply Priscila 27 de abril de 2013 at 22:11

    Adorei as dicas. Realmente sempre bate aquela dúvida do que passar pra frente! Aproveitei quando fui fazer as malas para vir morar em Brasília e me desfiz de muita coisa. A sensação é tão boa, de leveza, heheh

    Bjos =*

  • Leave a Reply